Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/1088
Título: Tango, um fragmento polaco
Autor: Graça, Marina Estela
Palavras-chave: Análise crítica
Cinema de animação
Data: 2009
Editora: Pierre-Marie Goulet, Teresa Garcia,
Citação: Pierre-Marie Goulet, Teresa Garcia (eds.), O cinema à volta de cinco artes, cinco artes à volta do cinema cinematografia-teatralidade 1. Lisboa, Festival Temps d ́Images/Cinemateca Portuguesa, Vol.4, pp.89-91, 2009
Resumo: Tango é uma curta-metragem animada e realizada pelo polaco Zbigniew Rybczynski segundo duas técnicas tradicionais no domínio do cinema de animação. Uma é a pixilação, pela qual pessoas são animadas como marionetas, assumindo posições fixas de um movimento imaginado e registado imagem por imagem. A outra corresponde à obtenção de imagens compostas através da utilização da impressora óptica (optical printer) segundo um processo específico que, na altura, se designava por matting (em português: máscara / contra-máscara) e que, actualmente, pode ser conseguido no âmbito do conjunto de estratégias gráficas qualificado como digital compositing. Foi concluída em 1981, em Lodz na Polónia, tendo ganho um Óscar em 1983.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/1088
ISBN: 978-989-95647-2-5
Aparece nas colecções:ESE3-Livros (ou partes, com ou sem arbitragem científica)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TANGO_MarinaEstelaGraca_2009.pdf93,57 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.