Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/1129
Título: Avaliação económica preliminar da nanofiltração na remoção de cianotoxinas em águas naturais
Autor: Silva, Lucila
Lucas, Helena
Ribau Teixeira, Margarida
Palavras-chave: Nanofiltração
Viabilidade
Modelos económicos
Cianotoxinas
Data: 2012
Editora: Associação Portuguesa de Recursos Hídricos (APRH)
Citação: Lucila Silva; Lucas, Helena; Margarida Ribau Teixeira. Avaliação económica preliminar da nanofiltração na remoção de cianotoxinas em águas naturais. Trabalho apresentado em 11º Congresso da Água. In Actas do 11º Congresso da Água, Porto, 2012.
Resumo: Com este trabalho pretende-se quantificar os custos associados à implementação e exploração de um sistema de nanofiltração (NF) na Estação de Tratamento de Águas (ETA) de Alcantarilha da Águas do Algarve, S.A. com uma capacidade de operação de 259.000 m3/d e efectuar uma comparação com os custos do actual sistema de tratamento implementado. A quantificação dos custos actuais foi efectuada através de dados obtidos a partir das operações desenvolvidas na ETA de Alcantarilha, fornecidos pelas Águas do Algarve, S.A. relativos a 2008 e 2009. Os custos foram estimados para as diferentes etapas de tratamento. Os resultados revelaram um custo associado ao tratamento de água para consumo humano de cerca de 0,10 €/m3.ano, para o esquema de tratamento existente na ETA de Alcantarilha. Realizaram-se ensaios experimentais à escala laboratorial e piloto onde se avaliou e optimizou o sistema de NF na remoção de matéria orgânica natural e cianotoxinas para diferentes taxas de recuperação de água (TxR), com águas que abastecem a actual ETA de Alcantarilha. A partir dos resultados obtidos com o estudo à escala piloto, verificou-se que a NF tem capacidade de produzir água de elevada qualidade com concentrações de microcistina muito inferiores ao valor legislado (1 mg/L), e baixo teor em matéria orgânica natural e de anatoxina- a, e que esta deve operar a TxR de pelo menos 75%. Com base nos resultados experimentais e através de modelos já desenvolvidos a partir de dados obtidos em trabalhos anteriormente realizados, determinaram-se os custos associados ao sistema de NF. O custo total estimado de implementação e operação/manutenção foi de 0,21 €/m3.ano para o ano de 2025. Conclui-se que apesar da implementação da NF na ETA de Alcantarilha provoque um acréscimo do custo de tratamento face ao tratamento convencional, este poderá ser justificável face à qualidade da água obtida.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/1129
Aparece nas colecções:FCT2-Artigos (em revistas ou actas indexadas)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Silva et al_artigo.pdf204,87 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.