Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/1497
Título: O herói (e o) abjecto
Autor: Quinteiro, Sílvia Moreno de Jesus e
Palavras-chave: Herói
Abjecto
Romantismo
Monstro
Herói romântico
Data: 2005
Editora: ESGHT, Universidade do Algarve
Resumo: Resultando de um conjunto de características excepcionais e invulgares, os heróis românticos apresentam-se como figuras monstruosas que despertam simultaneamente o fascínio e a abjecção. Nas obras seleccionadas para este artigo, a repulsa prende-se tanto com questões morais (com uma rejeição/aceitação dos comportamentos dos heróis), como com questões físicas associadas a questões morais. Trata-se, portanto, de heróis que traduzem o “sintoma do abjecto” descrito por Julia Kristeva em Pouvoirs de l’Horreur, de elementos que perturbam a identidade, o sistema e a ordem, destruindo as fronteiras sociais e não respeitando posições definidas, nem regras, nem fronteiras ou limites impostos socialmente.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/1497
ISSN: 0873-7347
Versão do Editor: http://www.dosalgarves.com/revistas/N13/5rev13.pdf
Aparece nas colecções:ESG2-Artigos (em revistas ou actas indexadas)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
O HERÓI (E O) ABJECTO.pdf274,48 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.