Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/1843
Título: Empregabilidade e percursos de inserção profissional: os diplomados no ensino superior politécnico
Autor: Saúde, Sandra
Orientador: Covas, Maria das Mercês Cabrita de Mendonça
Carioca, Vito José de Jesus
Palavras-chave: Ensino Superior Politécnico
Empregabilidade
Inserção profissional
Competências
Data de Defesa: 2008
Resumo: Esta tese resulta de um estudo acerca das características e dos factores estruturantes dos percursos de inserção profissional e de definição dos perfis de empregabilidade dos alunos diplomados no ensino superior politécnico. Emerge dos resultados encontrados, que a empregabilidade é condicionada por determinantes de natureza individual e contextual. Quanto às determinantes individuais, a dimensão “percurso de inserção profissional”, devidamente contextualizada pelo locus familiar e pela trajectória de formação, é a que mais interacções apresenta com o potencial individual de encontrar e de manter um emprego adequado. As experiências desenvolvidas durante o percurso ajudam, não só, a (re)construir a imagem das exigências e das preferências dos mercados de trabalho e de emprego, mas, também, a (re)definir o auto-conceito de conhecimentos, de competências, de capacidades e de qualidades pessoais tidas e/ou desenvolvidas pelo curso. Constatou-se que percursos de inserção profissional melhor sucedidos tendem a correlacionar-se com atitudes de procura de emprego mais pró-activas, e a maiores níveis de auto-avaliação em matéria de capacidades e qualidades necessárias ao exercício profissional. Nas determinantes contextuais, conclui-se pelo peso estratégico das expectativas e das necessidades do mercado de trabalho, destacando-se duas conclusões-chave no que respeita às preferências dos empregadores: i) ênfase dada às capacidades e qualidades pessoais no perfil ideal de competências, associadas às áreas do “saber-estar”, “saber-ser”, “saber-evoluir” e “saber para e como agir”; ii) a diferença entre o perfil desejado e o detido pelos diplomados com quem os empregadores já desenvolveram ou desenvolvem experiências de trabalho. Estas assimetrias são, também, visíveis nos indicadores obtidos na comparação entre o perfil de competências padrão construído pelos informadores-chave com responsabilidades no processo de formação. Estes associam a empregabilidade, fundamentalmente, a competências de acção (no sentido anglo-saxónico do termo skills), descurando as dimensões inerentes ao “saber-estar” e “saber-ser”. A leitura combinada dos níveis de determinantes conduz-nos à ilacção de que empregabilidade deve ser associada, de forma operacional, a “novas” formas de “estar e ser” em ambiente profissional. Na verdade, os resultados sugerem que, quer os percursos de inserção profissional, quer os perfis de empregabilidade são estruturalmente influenciados e definidos pelos perfis de “saber para que agir e como agir com competência”, detidos e avaliados pelos mercados de trabalho e de emprego.
Descrição: Tese de dout., Sociologia, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Univ. do Algarve, 2008
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/1843
Designação: Doutoramento em Sociologia
Aparece nas colecções:UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
1.doc37 kBMicrosoft WordVer/Abrir
2.doc38 kBMicrosoft WordVer/Abrir
3.doc102 kBMicrosoft WordVer/Abrir
4.doc130 kBMicrosoft WordVer/Abrir
Introduç_o_rev_nova capa.doc82 kBMicrosoft WordVer/Abrir
Parte I_rev_nova capa.doc244 kBMicrosoft WordVer/Abrir
1_ParteII_rev_nova capa.doc362 kBMicrosoft WordVer/Abrir
2_Parte II_2(pp249).doc85 kBMicrosoft WordVer/Abrir
1_Procedimentos Analíticos e Opç_o Metodológica_rev_nova capa.doc55 kBMicrosoft WordVer/Abrir
2_final.doc379 kBMicrosoft WordVer/Abrir
3_Procedimentos Analíticos e Opç_o Metodológica.doc131,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
Análise dos resultados_rev_nova capa.doc1,94 MBMicrosoft WordVer/Abrir
Conclus_o Geral_rev_nova capa.doc98 kBMicrosoft WordVer/Abrir
8_Bibliografia_final2_rev_nova capa.doc196,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
1_sub-capa e índice_NOVA CAPA2.doc56 kBMicrosoft WordVer/Abrir
2_V a VI.doc25,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
3_VII a XVIII.doc396 kBMicrosoft WordVer/Abrir
4_XIX a XXIV.doc63 kBMicrosoft WordVer/Abrir
5_XXV a XXXII.DOC115,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
6_XXXIII a XXXIV.DOC44,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
7_XXXV a XLII.doc70 kBMicrosoft WordVer/Abrir
8_XLIII a XLIV.doc27 kBMicrosoft WordVer/Abrir
9_XLV a XLVI.doc25 kBMicrosoft WordVer/Abrir
10_XLVII a L.doc29,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
11_LI a LII.doc33 kBMicrosoft WordVer/Abrir
12_LIII a LIV.doc53 kBMicrosoft WordVer/Abrir
13_LV a LVI.doc36 kBMicrosoft WordVer/Abrir
14_LVII a LVIII.doc33 kBMicrosoft WordVer/Abrir
15_LIX a LX.doc36,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
16_LXI a LXVIII.doc331 kBMicrosoft WordVer/Abrir
17_LXIX a LXXXIX.doc206 kBMicrosoft WordVer/Abrir
18_LC a C.doc145,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
19_CI a CX.doc86 kBMicrosoft WordVer/Abrir
20_CXI a CXIX.doc95 kBMicrosoft WordVer/Abrir
21_CXX a CXXXI.doc93,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.