Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/224
Título: Estudo biométrico do caranguejo-de-profundidade de Angola (Chaceon maritae) e determinação do tamanho de primeira maturação sexual
Autor: Pereira, Joana Jordão
Orientador: Afonso-Dias, Manuel
Jonico, Vanaquissa
Palavras-chave: Aquacultura
Crescimento
Maturidade
Carangueijo
Data de Defesa: 2008
Resumo: O caranguejo-de-profundidade Chaceon maritae (Manning & Holthuis, 1981) constitui um dos importantes recursos de crustáceos de Angola, principalmente nas costas do Lobito e do Namibe, onde é capturado comercialmente desde os anos 80. Apesar disso, esta espécie encontra-se pouco estudada em Angola sendo, por isso, reduzida a informação publicada sobre a sua biologia e dinâmica populacional, nesta região. Neste estudo foram estimadas relações biométricas (comprimento-largura de carapaça e peso total-largura de carapaça) para machos e fêmeas de C. maritae com base em exemplares capturados ao largo do Lobito em dois períodos distintos: Janeiro a Julho de 1974 (informação não publicada da BIOPESCA) e Abril a Maio de 2007 (informação recolhida no presente estudo). Com dados de 2007 foram ainda estimadas relações morfométricas, usando como variável de estudo o comprimento do 5º segmento abdominal (CSA) para as fêmeas e o comprimento/largura das pinças (Cp e Lp, respectivamente) para os machos, de forma a estimar o tamanho ao qual ocorre a maturação sexual nesta espécie. Estas variáveis foram seleccionadas após realização de uma análise hierárquica de clusters para cada sexo. Todas as relações (CSA-LC e Cp/Lp-LC) apresentaram um crescimento alométrico negativo (p < 0,05; b < 1). Estas relações, juntamente com as análises de regressão de “eixo maior reduzido”, mostraram que as fêmeas e os machos maturam a tamanhos diferentes, atingindo os últimos a maturidade a tamanhos superiores. Com base na sua condição vulvar, estimou-se uma ogiva de maturação para as fêmeas e determinou-se o tamanho de primeira maturação sexual (LC50) em 7,51 cm de largura de carapaça (LC). Morfometricamente, obtiveram-se valores de LC50, entre 7,5 e 8,5 cm para as fêmeas e a partir de 9,4 cm os machos, estando estes valores de acordo com os obtidos nos estudos de maturidade realizados por vários autores para C. maritae e para outras espécies pertencentes ao mesmo género.
The deep-sea red crab Chaceon maritae (Manning & Holthuis, 1981) constitutes one of the most important crustacean resources of Angola, commercially exploited since the eighties off Lobito and Namibe coasts. However, this species is poorly studied in Angola, therefore, published data on its biology and population dynamics is quite scarce. This study aimed to contribute to a better knowledge of C. maritae, by estimating some biometric relationships and biological traits of this species caught off Lobito coast. Two biometric relationships were estimated (carapace length-carapace width-CC/LC and total weight-carapace width-Pt/LC) for males and females of C. maritae, caught off Lobito from January to July of 1974 (unpublished data of BIOPESCA) and from April to May of 2007 (data collected during the present study). During the present study, additional relationships were estimated using the length of the fifth abdomen segment (CSA) against LC for females and the length (Cp) and width (Lp) of male claws against LC, to estimate the size at first maturity. These variables were used after analyzing the results obtained from Hierarchical Cluster Analyses. The CSA/LC, Cp/LC and Lp/LC showed allometric negative growth (p < 0.05; b < 1). The results obtained showed that males mature at larger size than females. The size at first maturity was also estimated by adjusting an ogive to the percentage of mature females by length (LC50= 7,51 cm). Maturity was assessed according vulvae condition. The size at first maturity obtained for this species caught off Lobito, were between 7,5 and 8,5 cm of LC for females and larger than 9,4 cm for males, which agrees with previous studies on this species carried out in different locations and for species of the same genus.
Descrição: Dissertação de Mestrado, Biologia Marinha, Especialização em Pescas e Aquacultura, Faculdade de Ciências do Mar e do Ambiente, Universidade do Algarve, 2008
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/224
Designação: Mestrado em Biologia Marinha, Especialização em Pescas e Aquacultura
Aparece nas colecções:UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ESTUDO BIOMÉTRICO DO CARANGUEJO.pdf1,83 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.