Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/2571
Título: A aprendizagem do sistema circulatório humano no 6º ano de escolaridade do ensino básico: um estudo exploratório
Autor: Lagarto, Carina Raposo
Orientador: Coelho, Ana Cristina
Gonçalves, José Alberto Mendonça
Palavras-chave: Aprendizagem
Conhecimentos prévios
Estratégias
Concepções alternativas
Sistema circulatório
Data de Defesa: 2011
Resumo: O reconhecimento dos conhecimentos prévios dos alunos é de grande importância para uma aprendizagem significativa. Estudos efectuados relacionados com a morfologia e fisiologia humana mostraram que os alunos possuem algumas concepções alternativas e que estas se mantêm ao longo da escolaridade. O tema que escolhemos para investigar tem por objecto o “Transporte de oxigénio e nutrientes até às células”, unidade curricular incluída no programa do 6º Ano de escolaridade, que se traduz, essencialmente, no estudo do sistema circulatório, tema já trabalhado no 3º ano de escolaridade, na disciplina de Estudo do Meio. Com a realização deste trabalho quisemos conhecer os conhecimentos prévios dos alunos e como estes evoluíam (ou não) após a leccionação da unidade didáctica e as estratégias utilizadas pelos professores durante o processo de ensino-aprendizagem. A investigação foi realizada em duas turmas, com 18 e 21 alunos e os dois professores de Ciências da Natureza, de uma escola do Ensino Básico 2º e 3º Ciclo no concelho de Faro. Tendo em vista a prossecução dos objectivos pretendidos, aplicámos dois questionários (Questionários I e II) aos alunos antes e depois do ensino formal. Durante o ensino procedemos aos registos audiovisuais das aulas para identificação das estratégias utilizadas. Entrevistámos, também, os dois professores para um conhecimento geral da turma. Aplicámos o teste Wilcoxon, para descobrir se existiam diferenças significativas entre as concepções dos alunos, registadas antes e após o ensino formal, tendo-se verificado a inexistência de uma variação significativa de evolução do conhecimento. Apesar de não podermos generalizar os resultados, dada a dimensão da amostra (39 alunos), estes revelam evolução no conhecimento da anatomia interna do coração. Todavia, persistem concepções incorrectas quanto ao Modelo e Padrão da circulação do sangue.
Descrição: Dissertação de mest., Dinamização das Ciências em Contexto Escolar, Escola Superior de Educação e Comunicação, Univ. do Algarve, 2011
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/2571
Aparece nas colecções:UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESE FINAL .pdf12,41 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.