Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/2938
Título: In eo quod amatur aut non laboratur aut et labor amatur: esforço e satisfação no Itinerarium de Egéria
Autor: Mariano, Alexandra de Brito
Palavras-chave: Peregrinação
Egéria
Séc. IV
Ocidente hispânico
Data: 2007
Editora: Nova Vega
Resumo: É num contexto de profundas alterações políticas e sociais, em finais do século IV, que Egéria iniciará a sua peregrinação à Palestina. A viagem durará três anos o que, só por si, permite adivinhar o carácter determinado da autora, pois uma deslocação de tal envergadura exigiria a mobilização de meios consideráveis e envolveria, por certo, inúmeros riscos. Este trabalho pretende situar o Itinerarium Egeriae na tradição dos textos de peregrinação, realçar a sua possível ligação ao noroeste peninsular e, bem assim, destacar a sua riqueza linguística, literária e cultural. O relato egeriano, o primeiro testemunho de uma peregrinação ao Oriente que se conhece redigido por uma mulher, permite igualmente aferir as provações que a monja teve de suportar e compreender as motivações que a impeliram a empreender uma tão longa viagem.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/2938
ISBN: 978-972-699-935-5
Versão do Editor: http://www.scribd.com/doc/48043848/Otium-et-Negotium-As-Antiteses-na-Antiguidade
Aparece nas colecções:FCH2-Artigos (em revistas ou actas indexadas)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Mariano_In_eo_quod_amatur.pdf139,74 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.