Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/428
Título: Expressões fixas adverbiais: descrição léxico-sintáctica e subsídios para um estudo contrastivo português-espanhol
Autor: Palma, Cristina Maria Balbino
Orientador: Baptista, Jorge
Català, Dolors
Palavras-chave: Teses
Língua portuguesa
Língua espanhola
Gramática
Advérbios
Sintaxe
Data de Defesa: 2009
Resumo: O objectivo principal deste estudo consistiu no recenseamento sistemático, na classificação formal, na descrição e discussão das principais propriedades sintácticas de expressões fixas adverbiais (advérbios compostos) em Português Europeu e sua análise contrastiva com o Espanhol. Adoptou-se a proposta teórico-metodológica do Léxico-Gramática, desenvolvida por M. Gross com base na Gramática Transformacional de Operadores de Z. S. Harris. Procedeu-se ao recenseamento de cerca de 2.000 advérbios compostos, a partir de diversas fontes, completadas com o recurso a corpora e à introspecção. Os advérbios compostos foram organizados em nove classes formais: PC (O Pedro temperou a salada a gosto), PDETC (O Pedro disse isso à Ana na brincadeira), PAC (O Pedro fez-me isso de livre vontade), PCA (Eles homenagearam o poeta a título póstumo), PCDC (O Pedro fez isso à margem da lei), PCPC (O Pedro vai emendar-se daqui em diante), PCPN (O Pedro fez isso em harmonia com a lei), PCDN (O Pedro enviou a carta ao cuidado do director) e PCONJ (Ele agarrou-se ao trabalho com unhas e dentes). Apresentam-se e discutem-se as principais propriedades sintácticas das construções adverbiais, procurando sobretudo caracterizar as complexas relações que os advérbios estabelecem com os elementos da frase-matriz, tendo estas propriedades sido verificadas sistematicamente para as duas classes formais mais numerosas (PC e PDETC). Procedeu-se a uma análise contrastiva dos advérbios compostos do Português e do Espanhol, apresentando-se alguns problemas formais relativamente à sua tradução. A informação linguística (distribucional, estrutural e transformacional) foi formalizada em matrizes léxico-sintácticas para sua utilização em diversas aplicações, nomeadamente em processamento computacional de língua natural. Nesse sentido, procedeu-se ainda a algumas experiências de aplicação a um corpus jornalístico de grandes dimensões, recorrendo a técnicas de transdutores de estados finitos.
Descrição: Dissertação mest., Linguística, Universidade do Algarve, 2009
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/428
Designação: Mestrado em Linguística
Aparece nas colecções:UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CristinaPalma2009(TM).pdf2,22 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.