Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/4763
Título: Cancro do cólon: influência de polimorfismos do gene UGT1A1 no tratamento com irinotecano
Autor: Evaristo, Inês Isabel dos Santos
Orientador: Marques, Vera Linda Ribeiro
Palavras-chave: Cancro do colon
Terapêutica
Irinotecano
Farmacogenómica
Data de Defesa: 2011
Resumo: O Cancro Colo-rectal (CCR) é um grave problema de saúde pública, é o quarto cancro mais comum e apresenta-se como uma das principais causas de morte no mundo ocidental. O desenvolvimento desta neoplasia está fortemente relacionada com factores como a idade, antecedentes pessoais e familiares, síndromes genéticos hereditários, historial étnico e racial, e também com os estilos de vida ocidentais. Perante isto, é necessário ter em conta as manifestações clínicas desta patologia, bem como, a realização rotineira de técnicas de rastreio e diagnóstico, e também a adopção de medidas preventivas. Esta neoplasia é muito complexa, desenvolve-se a partir de alterações genéticas que permitem a formação de pólipos e a consequente evolução de adenoma a carcinoma. O prognóstico está directamente relacionado com o estadio, sendo que a doença metastática é a que apresenta pior prognóstico. Nestes casos, no que diz respeito à terapêutica, opta-se pela utilização de regimes quimioterapêuticos que incluem Irinotecano. A farmacogenómica tem demonstrado o seu papel fundamental no tratamento do cancro colo-rectal metastático com Irinotecano, uma vez que permite uma melhor compreensão da influência de polimorfismos no gene UGT1A que codifica enzimas envolvidas no metabolismo deste fármaco (principalmente UGT1A1) na grande variabilidade interindividual na resposta a esta terapêutica. Assim, o conhecimento de polimorfismos nos genes que codificam enzimas envolvidas no metabolismo do Irinotecano, bem como nos seus alvos terapêuticos e transportadores, permitirá num futuro próximo a individualização desta terapêutica, havendo um maior controlo de variáveis como a dose a administrar, segurança e eficácia.
Descrição: Dissertação de mest., Ciências Farmacêuticas, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Univ. do Algarve, 2011
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/4763
Designação: Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas
Aparece nas colecções:UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Inês Evaristo - Cancro do Cólon influência de polimorfismos .pdf1,55 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.