Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/4965
Título: O problema do “abandono” nos cursos de educação e formação de adultos (efa): um estudo exploratório num concelho do Algarve
Autor: Quintas, Helena
Marrocos, Laura
Palavras-chave: Educação de adultos
Cursos EFA
Abandono escolar
Data: 2012
Editora: ISPA – Instituto Universitário
Resumo: A educação é o elemento chave na construção de uma sociedade fundamentada na informação, no conhecimento e na aprendizagem. Simultaneamente ao aumento da consciência sobre a importância da educação, o conceito de educação partilhada e igualitária foi-se expandido. Esta consciência educacional foi reforçada e, com o objectivo de proporcionar condições a quem não teve oportunidade para concluir, no tempo certo, o seu processo de escolarização, hoje existe uma aposta muito forte na criação de propostas educativas e formativas. Refiram-se, a este propósito, os Cursos de Educação e Formação de Adultos (Cursos EFA). No entanto, inúmeras variáveis interferem com estes objectivos, e contribuem para a interrupção, ou mesmo o abandono, dos adultos que “voltaram” com o intuito de concluírem um processo de escolarização. Que motivos levam a que tantos adultos que ingressam nos cursos EFA, desistam? O estigma do abandono que, certamente, marcou a trajectória escolar destes adultos interferirá nesta decisão, ou estarão presentes outras influências que condicionam e que, mais uma vez, comprometem o sucesso? O fenómeno do “abandono escolar”, habitualmente discutido por referência a alunos que frequentam os ensinos básicos e secundários, também se observa em contextos educativos destinados a pessoas adultas. É sobre esta problemática que se debruça a presente intervenção. É apresentada uma proposta, ainda em fase de desenvolvimento teórico e de construção metodológica, de um trabalho de investigação a realizar no âmbito de uma dissertação de mestrado em Ciências da Educação e da Formação, onde procuraremos compreender o fenómeno do “abandono” em Cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA) de nível B3. São tomados como objecto de estudo, instituições promotoras deste tipo de formação e formandos de um concelho do Algarve, o concelho de Loulé, nomeadamente três freguesias distintas: Quarteira, Loulé e Boliqueime. A escolha deste território justifica-se, primordialmente, pela sazonalidade face ao emprego que se observa nestas localidades, e que poderá, eventualmente, explicar a enorme incidência do fenómeno do abandono da formação. Trata-se de um estudo multicaso, em que, com recurso a uma metodologia mista, que combina dados quantitativos (inquéritos por questionário) e qualitativos (entrevistas), se analisa e reflecte sobre a temática do abandono, inferindo sobre a ocorrência deste fenómeno na sua relação com os actores educativos, neste caso formandos dos Cursos de Educação e Formação de adultos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/4965
Aparece nas colecções:FCH4-Vários



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.