Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/5025
Título: A Universidade de Coimbra e os Jesuítas: o libelo do «Compêndio Histórico»
Autor: Mesquita, José Carlos Vilhena
Palavras-chave: Universidade de Coimbra
Ensino universitário
Marquês de Pombal
Jesuítas
Data: Ago-1986
Editora: Publicações Projornal Ldª
Resumo: A Junta de Providência Literária, órgão básico da Reforma Pombalina, foi instituída por determinação régia em carta datada de 23-12-1770, firmada pelo Marquês de Pombal e pelo Cardeal da Cunha. O objectivo e a incumbência deste «órgão de revisão cultural» resumiu-se à execração de um libelo acusatório acerca do abominável atraso em que a Companhia de Jesus havia lançado o nosso ensino, ficando este conhecido pela ambiguidade do seu próprio título, «Compêndio Histórico». À primeira vista, parece estarmos em presença de um manual de carácter pedagógico, e não de um rol incriminatório da política educacional defendida pelos inacianos, enquanto dominaram a nossa cultura. Enfim, tudo tem os seus limites, e se bem que concordemos na globalidade com este documento, não podemos deixar de pensar que em certa medida ele exagera o alcance e a extensão das suas acusações.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/5025
Aparece nas colecções:FEC2-Artigos (em revistas ou actas indexadas)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A Universidade de Coimbra e os Jesuitas - o libelo do «Compêndio Histórico».pdf444,67 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.