Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/5717
Título: Escola, sete formas de desordem e o amor: para a Inclusão total
Autor: Pereira, Rui Lopes Penha
Palavras-chave: Educação
Amor
Inclusão
Data: 1-Dez-2014
Editora: Universidade do Algarve
Resumo: Argumento aqui que persiste um ambiente intoleravelmente agressivo e de exclusão, para os alunos nas escolas comuns. Tal prejudica a pedagogia para a instrução, e a educação ao nível da sua formação como pessoas e cidadãos empenhados para o seu bem e o bem da comunidade. Seguidamente irei propor uma certa concepção da educação, que assume a pessoa educada como a pessoa ética e autónoma, detentora de um aparato emocional adequado a viver uma vida florescente e em bem-estar. Depois serão sumariamente descritas, o que aqui se designará por sete formas de desordem: comparação, corrupção, dependência, divisão, medo, auto desintegração e violência. Será argumentado que a mitigação ou ausência de tais formas de desordem do ambiente escolar, podem favorecer a predominância do amor no relacionamento, que potencia o ambiente correcto para o florescimento da educação e da pessoa educada. Finalmente, serão brevemente referidas três propostas de investigação empírica.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/5717
Aparece nas colecções:ISE2-Artigos (em revistas ou actas indexadas)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Escola_Sete_Formas-de_Desordem_e_o_Amor.pdf137,72 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.