Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/5827
Título: Acontecimentos de vida stressantes em adolescentes imigrantes e nativos portugueses
Autor: Carmo, Priscila dos Anjos Nunes
Orientador: Lemos, Ida
Palavras-chave: Psicologia clínica
Psicologia da saúde
Adolescentes
Acontecimentos da vida negativos
Stress
Imigrantes
Nativos
Data de Defesa: 2013
Resumo: Neste trabalho analisamos os acontecimentos de vida stressantes e/ou negativos experienciados por adolescentes imigrantes e nativos portugueses. Foram inquiridos 537 adolescentes, 179 imigrantes e 358 nativos. Para a avaliação das variáveis em estudo foi utilizado o Inventário de Acontecimentos de Vida Stressantes e ainda um questionário para recolha de dados sóciodemográficos a serem preenchidos pelos Adolescentes. Os resultados obtidos sugerem que na amostra total, os acontecimentos de vida stressantes (AVS) mais recorrentes foram a mudança de colegas de turma e a morte de um familiar, enquanto os AVS com maior impacto foram a morte de um familiar e a doença de um familiar. Os acontecimentos de vida stressantes mais frequentes nos adolescentes nativos foram a mudança de colegas de turma, a morte de um familiar e a mudança de escola. Os AVS relatados pelos adolescentes nativos como tendo maior impacto negativo foram a morte e a doença de um familiar. Por sua vez, nos adolescentes imigrantes, os AVS mais frequentes foram a mudança de colegas de turma e a mudança de casa. De igual modo, no que se refere ao impacto dos acontecimentos vitais reportado por estes adolescentes (i.e., morte e doença de algum familiar), este foi semelhante ao dos nativos. Relativamente ao número de AVS, os nativos reportaram um número de eventos mais elevado, todavia, os AVS que os imigrantes experienciaram foram reportados como tendo um maior impacto negativo, comparativamente com o experienciado pelos nativos. Contudo, não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas entre o grupo de adolescentes nativos e grupo de adolescentes imigrantes relativamente quer ao número de AVS, quer ao seu impacto negativo.
URI: http://hdl.handle.net/10400.1/5827
Designação: Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde
Aparece nas colecções:UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação AVS_Priscila N. Carmo.pdf926,29 kBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO A.pdf201,62 kBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO B.pdf158,77 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.