Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.1/5008
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorMartínez, Susana Gómez-
dc.contributor.authorPenedo, Ana Paula Cortes-
dc.date.accessioned2014-09-19T11:13:50Z-
dc.date.available2014-09-19T11:13:50Z-
dc.date.issued2012-
dc.date.submitted2012-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10400.1/5008-
dc.description.abstractA escravatura foi uma instituição generalizada em todo o mundo muçulmano. A sua prática no al-Ândalus seguiu basicamente as mesmas regras que se aplicavam no mundo do Islão embora com algumas particularidades próprias. A sua proximidade com Reinos Cristãos colocava este território numa situação privilegiada no que respeita ao constante fornecimento deste “produto” e constituiu um importante interposto comercial na transação de escravos para os outros territórios islâmicos. A população escrava, não isenta de direitos jurídicos, como é apanágio da civilização islâmica, contribuiu para o desenvolvimento do al-Ândalus e para a diversidade e enriquecimento da sua população e sociedade que acabou por integrar e os ṣaqāliba no exército assim como os que desempenharam elevados cargos na administração, constituíram uma base de apoio aos Omíadas neste território do Islão. No entanto, não está ainda suficientemente analisado o peso específico que teria no conjunto do sistema socioeconómico da civilização islâmica, no geral, e no al-Ândalus em particular.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectHistória - Algarvepor
dc.subjectEscravaturapor
dc.subjectFeudalismopor
dc.subjectÉpoca árabepor
dc.subjectAl-Ândaluspor
dc.titleA escravatura no al-Ândaluspor
dc.typemasterThesispor
thesis.degree.disciplinePortugal Islâmico e o Mediterrâneopor
thesis.degree.grantorUniverdidade do Algarve. Faculdade de Ciências Humanas e Sociaispt_PT
thesis.degree.levelMestradopor
thesis.degree.nameMestrado em Portugal Islâmico e o Mediterrâneopor
Aparece nas colecções:FCH1-Teses
UA01-Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
a_escravatura_no_al_andalus.pdf682,4 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.